segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

Segunda

História
(Brigada)

A Brigada Militar foi criada em 18 de novembro de 1837 com a denominação inicial de Corpo Policial da Província de São Pedro do Rio Grande do Sul. Em 1873 passou a denominar-se Força Policial e a partir da Proclamação da República no Brasil, em 1889, recebeu as seguintes denominações: Guarda Cívica (1889), Corpo Policial (1889) e finalmente Brigada Militar (1892). Desde a sua criação, a Corporação participou de inúmeras revoluções históricas do país, como as de: 1893 a 1895 (Revolução Federalista), 1923 (Revolução Assisista), 1924 (em São Paulo), 1926 (em Santa Catarina e Paraná), 1930 e 1932 (no Rio Grande do Sul e em São Paulo), demonstrando uma forte cultura militar e guerreira. Após o movimento revolucionário de 1932, a Brigada Militar, já com missões de Segurança Pública, ainda participou de outras Revoluções (Estado Novo em 1937, Legalidade de 1961 e Revolução de 1964).

Notícia:
(Declarações)

O tenente-coronel da Brigada Militar Jair Beltrami, comandante do batalhão de área turistica do liroral norte, foi afastado das suas funções pelo comandante geral Nilson Bueno, depois de criticar a redução do número de agentes, veículos e equipamentos da operação Golfinho. Segundo o comandante da Brigada Militar, o afastamento aconteceu porque o tentente coronel não foi autorizado a dar esse tipo de declaração.

Da Redação:
(é assim)

Acontece esse tipo de coisa... Quem é afastado é o cara que falou a verdade, não o cara que patrocina o que está errado. Aguentem... Esse é o novo jeito de governar.

Um comentário:

Homem do Contra disse...

E não fizeram isso até com o (ex)Secretário?