quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

QUARTA

HISTÓRIA
(É marmelada)
A palavra "MARMELADA" adquiriu esse sentido de desonestidade porque durante um bom tempo o doce foi falsificado: os fabricantes, por causa da escassez de marmelo, utilizariam, como matéria-prima, abóbora e chuchu. Pouco marmelo e muito chuchu para dar liga ao doce, assim enganando o freguês. O chuchu, como se sabe é o quarto estado da água (sólido, líquido, gasoso e o chuchu) e não tem gosto de nada, mas ajuda a marmelada a ter o gostinho que tem.

NOTÍCIA
(Marmelada)
Conforme foi previsto, Sr. Renan Calheiros foi absolvido. Com apenas 29 votos pela perda de mandato, Renan Calheiros permanece sendo Senador da República. A Senadora Ideli Salvati do PT de Santa Catarina admitiu qua a absolvição servivira para evitar o pedido de perda de mandato de outros senadores, pelo mesmo motivo.

DA REDAÇÃO
(Marmelada)
É marmelada mesmo. Deixa ver se entendi... A gente não pune um que está errado porque senão teremos que punir todos que estão errados. É melhor varrer para baixo do tapete do que limpar? Tá Bom... É marmelada mesmo.

4 comentários:

Taíse disse...

Odeio marmelada... o doce e a palhaçada de ontem.

Carlos Mota disse...

É por isso que prostituição já é considerada uma profissão. Os filhos, lá em Brasília, estão protegendo suas mães!!!!

Homem do Contra disse...

É um mundo surreal, de fato.

Anônimo disse...

Canalheiros é como gato tem sete vidas... e como rato... ladrão!