quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Quarta

HISTÓRIA
(Ela é carioca...)

Carioca é o nome que se dá à serra do estado do Rio de Janeiro que constitui o extremo oriental da serra da Tijuca. Tem uma extensão de 18 km desde o centro da cidade do Rio de Janeiro até ao Pico da Gávea. O termo carioca é oriundo da família lingüística tupi-guarani (kari ' oca) e significa etimologicamente "casa de branco": cari: branca; oca: casa. O termo carioca é também o gentílico dos habitantes ou naturais do município do Rio de Janeiro. Segundo consegui apurar, eram chamados cariocas os habitantes da vila fundada por Estácio de Sá. Os índios se referiam dessa forma aos novos habitantes daquele local maravilhoso.

NOTÍCIA
( Agora sim... )

Membro titular da CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) da Câmara dos Deputados, o deputado federal Nelson Trad (PMDB) confirmou a votação nesta terça-feira (dia 6) do polêmico projeto de lei (PL 98/03), de autoria do deputado Fernando Gabeira (PV-RJ), que regulamenta a prostituição.

Da REDAÇÃO
(Já que é quarta...)

Já que é quarta-feira, dia do “Mesa de Bar” do Felipe e também porque estou com saudades dos comentários da Ollie... foi essa pequena homenagem a esta habitante da casa de Estácio do Sá. Sobre a notícia de hoje, acredito que o argumento das profissionais é bastante forte... Se resolverem abrir a boca, não fica pedra sobre pedra... Além disso, coloco aqui a afirmação de um dos primeiros delegados que eu conheci no meu trabalho como repórter: - Em uma cidade, uma das duas casas sempre está cheia, ou a da cafetina ou a do delegado.

2 comentários:

Carlos Mota disse...

O Tiago não entende nada dos meandros da política. Nós sempre votamos nos filhos das "profissionais do sexo"; nada mais justo que eles agora queiram reconhecer a profissão da própria mãe, ora bolas!!!

Ollie disse...

Mas que fofo você é, meu amigo!
Pior que carioca fala, reclama, xinga, diz que vai embora, mas tem um mega orgulho dessa terra aqui. E da última vez que vim de SP ainda era dia claro, e fiquei sobrevoando e pensando: "...é bonito mesmo, né? caramba..."
Acho que preciso te homenagear tb! Vou ver se ponho a inspiração pra funcionar qualquer dia desses!
Beijo!