quinta-feira, 23 de julho de 2009

Quinta

História:
Num dia 23 de julho, foi inaugurado o famigerado campo de extermínio. Treblinka foi o quarto campo de extermínio onde os judeus foram exterminados em câmaras de gás alimentadas por motores a explosão localizado nos arredores da cidade de Treblinka, na Polônia. Também foi o primeiro campo onde ocorreu a cremação dos cadáveres a fim de ocultar o número de pessoas mortas. Neste campo foi criado um sistema de trabalho onde os judeus eram incumbidos de receber os comboios que chegavam, conduzir os deportados para as câmaras de gás, retirar os cadáveres, extrair os dentes de ouro, e proceder a cremação. Este campo foi dividido em dois campos menores, onde em um deles os prisioneiros somente se ocupavam do extermínio e recuperação de objetos, e um segundo campo onde os prioneiros só se ocupavam da retirada dos cadáveres e cremação.

Notícia:
O que parecia ser um acidente de trânsito em Belém do Pará pode ajudar a polícia a desvendar um homicídio. Um veículo de passeio bateu contra um ônibus na BR 316 na entrada da cidade. Logo após o acidente o motorista do veículo fugiu correndo do local. A polícia foi chamada e encontrou dentro do porta malas o corpo de um homem de aproximadamente 20 anos. A vítima tinha marcas de estrangulamento. O motorista do carro não foi identificado.

Da Redação:
Fim de Férias... infelizmente acabou a mamata. Eu voltei e o Blogordão também. Não sabia se ia voltar. Sinceramente a audiência e o número de comentários me desanima. Mas é tão bom quando alguém "pede" pro blogordão continuar, que eu mantenho ele no ar.

3 comentários:

Márcia Bahlis Moreira disse...

O fim das férias é triste... A história e a notícia, mais ainda... Mas fico feliz que o Blogordão continua ativo nos enchendo de informações e cultura ;o)
Beijinhos

Cleiton Benkendorf disse...

Gostei muito do seu blog e proponho parceria com troca de links,o que você acha?
Responda em :http://escuteseusolhos.blogspot.com

nelson disse...

bruxo, tua audiencia eh quantitativa e qualitativa.